terça-feira, setembro 16, 2008

Purpurinaram a Carreira.

Não é invenção minha. Algumas carreiras, ao menos no Brasil, têm uma fama um tanto florida. Os cabeleireiros, decoradores, arquitetos e bailarinos padecem desse preconceito. Preconceito que também atinge os diplomatas. E atinge também seus filhos, com a afirmativa de que o filho do diplomata, tenha ele tendências suspeitas ou não, será inevitavelmente um porra-louca, cultivando hábitos bizarros. Um pouco como as mulas sem cabeça, que durante o dia são filhos de padres que levam suas vidas pacatas nas cidades do interior.

Tendo essa fama diplomática em mente, fiquei um tanto espantado ao ver esse cartão postal, na saída da Belini, na 113 Sul:

The Dip
...E não me venham dizer que o publicitário escolheu essa foto "na inocência"... Posso acreditar no Renato Gaúcho e no Fluminense mas nesse caso, a mensagem nas entrelinhas fica óbvia!!!

~~~**~~~

Nada a ver com diplomacia, mas elas estão chegando! Em breve, a gritaria começa. E as tempestades. E os ventos. E as árvores despencando. E as ruas alagadas... Melhor época do ano em Brasília, apesar de alguns inegáveis incômodos...

Cigarras
"Gachinha"

casca de cigarra
The Kwai March

2 comentários:

Ed disse...

Nossa... haha! Um bailarino?? Soh podem ter feito isso de zuera, mesmo.

Dom Rafa disse...

Uma "ginasta rítmica" eu acho, por causa da faixa na mão (tipo La Rose Noire). Como homem não pratica ginástica rítmica (até onde eu saiba)... 0_0

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...