terça-feira, fevereiro 22, 2011

11:20 - "Vai aparecer a minha periquita!!"

Uma das notícias mais lidas no site da Globo "G1" diz respeito a um vídeo que vazou na Internet, mostrando uma escrivã da polícia de alguma cidade de São Paulo sendo despida à força por policiais por conta de uma propina escondida na região dos Países Baixos, à la cuecona mensaleira. Duzentos reais e um vídeo na Web foram o resultado mais imediato da "Operação Peladão". Talvez mais tarde haja um processo. Pros curiosos, o vídeo ainda está no Youtube no momento em que eu escrevo; mas não me darei o trabalho de colocar um link aqui, pois acredito em sua breve remoção para preservar as partes - íntimas ou não. É um vídeo longo, de quase 13 minutos, e, no momento indicado no título, a frase também mencionada é dita, para a alegria dos policiais que, convenhamos, queriam mesmo era um pouco de pornografia para animar a tarde.

Minhas opiniões sobre o vídeo...
- Datado de 2009, achei estranho o episódio só ter vindo à tona agora. Me pergunto o que a escrivã aprontou durante esses 2 anos.
- Como foram fazer isso com uma ESCRIVÃ?? Pra ela estar nesse cargo, ela deve ter um mínimo conhecimento das leis e é óbvio que os policiais ali sabiam das consequências. Poderia ser um caso de uma mulher ignorante, que desconhecesse seus direitos e acreditasse que aquela revista era legítima; de quem os policiais se aproveitassem. Mas não. Ela sabia que aquilo estava errado. Eles também.
- Os comentários no vídeo. "Ah! A mulher era uma bandida; mereceu isso!" Não! Posso até ser um defensor do Capitão Nascimento Way of Life, mas em casos extremos. Os traficantes do Rio estão ocupando o morro, aterrorizando a polulação e equipados com armas militares? Manda o Caveira! Não se renderam? Manda chumbo! Tiveram a opção de se entregar. Agora, no vídeo, o que mais me chamou a atenção foi a presença de uma policial FEMININA no recinto. Ou seja, ela poderia ter sido revistada sem problema nenhum! Então, por mais bandida que seja, ela não mereceu isso. Havia inclusive a outra opção, mas ela não foi dada.
- Ok. Teoria da Conspiração: que ráio de delegacia é essa que tem uma almofada de coração na cadeira (aparece por várias vezes no vídeo)? O delegado tem alguma hemorróida apaixonada? E os diálogos... Não sei. Se me dissessem que era um filme pornô de décima quinta categoria, eu acreditava.
- 200 reais... Minha filha... Tanta luta por 200 reais escondidos ali? -_-

- Poxa, Raphael, você fica vendo essas baixarias? Fico. Enquanto você via Big Brother, eu via tosqueiras na delegacia...

4 comentários:

Raíssa disse...

Ei, qual é, eu vejo BBB.. Rum, mas tbm vejo baixaria em delegacia e tudo quanto é coisa... Conhecimento até sobre futilidade nunca é demais, ê.
Bom, me fiz as mesmas perguntas que tu e estou a procurando as mesmas indagações. Quando souber me avisa.
Um puta e lamentável absurdo... ¬¬'

Dom Rafa disse...

Pois é Raíssa, vc tem razão... Já caiu coisa sobre BBB6 em concurso público e eu n soube responder. Hahahaha. Quem sabe um dia eu n me rendo? Esse vídeo está dando o que falar mesmo. Parece q vai rolar um processozinho.

Beijos!!

Jonas Barbieri disse...

Cara, eu achei uma baita baixaria o que fizeram com a mulher. Não dava pra ter filmado a "periquita" da moça, isso é humilhante. A palavra do agente público alí presente (o delegado de vermelho) tem fé pública, era só as duas mulheres revistarem e ele supervisionar, depois prendia... Aquilo ficou parecendo estupro, convenhamos. Faltou um pouco de bom senso.

Dom Rafa disse...

@Jonas - Com certeza! Foi praticamente um estupro mesmo. Fiquei sabendo que as oficiais (eram duas? Só lembro de ter notado uma) tentaram dissuadir o delegado, mas foi em vão. Uso excessivo da força totalmente desnecessário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...